RIPPLE SOFTWARE CRIPTOMOEDA (XRP)

RIPPLE (XRP)

Invista agora em Criptomoedas!

Forneça-os os seus dados e explicaremos passo a passo.
Receba um Bônus de Boas-vindas

O Ripple (XRP) foi fundado com o propósito de ser um software livre desenvolvido em um sistema de crédito baseado em uma rede de computadores.

Cada nó de programação da criptomoeda Ripple funciona como um sistema local, formando assim um banco acionista descentralizado.

Levada ao limite, a rede Ripple é um sistema de rede social distribuidor baseado na honestidade e confiança entre os usuários existentes das redes sociais na realidade.

Assim, o capital financeiro se sustenta no capital social.

Uma versão inicial da rede Ripple seria baseada em uma extensão do sistema bancário existente, onde haveriam métodos de pagamento alternativos sem a necessidade de passar por um banco central.

O Ripple oferece uma experiência sem atrito para alocar o dinheiro global fazendo uso do poder da blockchain (cadeia de blocos).

Todas as instituições financeiras, associando-se à rede global do Ripple, podem de qualquer parte do mundo fazer os pagamentos de seus clientes instantaneamente, este método é totalmente lucrativo e confiável.

Tanto os fornecedores como os bancos podem usar o XRP de ativos digitais para reduzir ainda mais os custos e acessar novos mercados.

O Ripple tem uma capitalização de mercado de US $26.408.434.428 que o mantém na 3ª posição do ranking, é considerado um dos mais interessantes comparado com o Ethereum ou o Bitcoin. O Ripple tem escritórios localizados nas principais cidades, como São Francisco, Nova York, Londres, Sydney, Índia, Cingapura e Luxemburgo.

A principal razão para as primeiras posições nos rankings de criptomoedas é devido ao acordo interno de alguns bancos japoneses e sul-coreanos.

Esta criptomoeda foi criada especialmente para funcionar dentro do sistema de transações atual.

Um ótimo trabalho também foi feito, capturando algumas empresas para a aquisição de sua tecnologia.

Esta criptomoeda é baseada em software livre que busca o desenvolvimento de um método de crédito usando o paradigma da rede de pares.

Os nós do Ripple funcionam como um sistema de troca local, dessa forma todo o sistema forma um banco acionista descentralizado.

A chave principal do Ripple é poder rotear os pagamentos nas redes sociais com a maior confiança e estabilidade, sendo sempre arbitrárias, imitando a internet quando roteia os bancos de dados usando as redes dos computadores.

Uma das principais vantagens desse procedimento é que ele não dependerá de nenhuma instituição que tome decisões sobre a política monetária de todo o estado; a decisão final estaria nas mãos dos participantes, passando para uma ação totalmente democrática.

Esse procedimento se tornaria uma ação muito mais solidária e melhoraria as necessidades de cada uma das regiões e comunidades envolvidas.

Dessa forma, uma hierarquia institucional regulada não seria necessária para examinar os participantes centrais.

Um valor agregado seria que, mesmo que alguns de seus nós fossem perdidos, a rede Ripple, sendo um sistema monetário global, poderia continuar operando ao contrário da Internet.

O Ripple com o seu protocolo não impede o aparecimento de estruturas de pagamento hierárquicas, só permite o aparecimento de outras estruturas.

Podemos dizer que temos uma alternativa particular às criptomoedas tradicionais, e está provado que o conceito perseguido pelo Ripple chegou inegavelmente a certas organizações financeiras.

Algumas entidades financeiras, como o Banco Santander e a American Express, já fizeram investimentos no novo projeto e seu uso está previsto para o futuro.

Contando com a confiança da banca tradicional, o Ripple está numa posição peculiar, para poder tornar-se uma alternativa muito interessante para aqueles que decidem adquiri-los.

Este interesse faz com que o Ripple aumente progressivamente seu preço em um curto período de tempo e atualmente tem a oportunidade de retirar o segundo lugar do mercado (em avaliação) ao Ethereum.

Do ponto de vista técnico e prático, as principais diferenças com a grande maioria das criptomoedas ativas, como o Bitcoin ou o Litecoin, são que o Ripple é um meio seguro e rápido para que instituições financeiras como bancos, agentes de câmbio, empresas de valores mobiliários, bolsas de valores, entre outros, obtenham liquidez de forma cómoda e rápida.

O Ripple com essas características é considerado uma alternativa ao antigo sistema SWIFT, método pelo qual os bancos realizam transações internacionais. O Ripple é dirigido por uma única empresa com sede em São Francisco, ao contrário do bitcoin. Sabemos que vários executivos atuais e ex-funcionários do Ripple, por causa dessa revolução monetária, se tornaram multimilionários de criptomoedas.

O valor agregado do Ripple é que ele não é criado ou minado pelos usuários, mas ao contrário do bitcoin, a empresa tem total controle.

Originalmente, 100 bilhões de moedas Ripple foram criadas e atualmente apenas 38 bilhões estão em circulação. Os administradores do Ripple podem desbloquear até um máximo de 1 bilhão por mês que, pelo que se pode prever, de acordo com Powaga, poderia, eventualmente, saturar demais o mercado.

Nesse momento, o Bitcoin controla o terreno devido à sua alta capitalização.

Invista em Bitcoin, invista na AG-Market.

Partners

Português